Você está calculando seus custos com folha de pagamento corretamente?

 

Ao final deste artigo disponibilizaremos uma planilha gratuita que irá auxiliar você a realizar os cálculos.

É muito comum, antes de contratarmos alguém para atuar em qualquer posto de trabalho dentro de um negócio, calcular qual será o custo gerado mensalmente por esse funcionário.

Tomarmos como base sempre o salário acordado para contratação é o correto a se fazer, porém, o salário mensal, não é o único custo gerado pelo colaborador.

Mensalmente o colaborador gera custos que não proporcionam saídas de caixas, são as chamadas provisões, que nada mais são que a mensuração da previsão de saídas de caixas.

Para identificar tais previsões é necessário ter conhecimento pleno dos direitos já concedidos e que podem ser concedidos ao funcionário caso ocorra o encerramento de seu contrato de trabalho, como férias, FGTS, 13° salário e o aviso prévio.

Inicialmente, existe a necessidade de que o empregador visualize a geração e apropriação desses custos mensalmente e não anualmente.

Vejamos a seguir como identificar e calcular esses custos de forma simples.

Como exemplo, utilizemos o 13° salário que, normalmente, gera saídas de caixa no final de todo ano, porém o funcionário tem seu direito concedido mensalmente de 1/12, ou seja, caso ele trabalhe 6 meses e o contrato encerre no meio do ano ele fará jus a 6/12 mesmo não sendo a data correta do recebimento.

Usando somente o 13°, como no exemplo descrito acima, pode-se observar um custo mensal 8,33% maior que se utilizarmos apenas o salário, sendo o 13° apenas um deles.

Para que fique mais claro, exemplificaremos utilizando valores e listaremos todos os custos gerados mensalmente por um funcionário.

Para o cálculo utilizaremos o salário base de R$ 1.000,00 em uma empresa optante pelo Simples Nacional, enquadrada no anexo I.

 

Salário Bruto= R$ 1.000,00

FGTS= R$ 80,00

Provisão – 13° Salário= R$ 83,33

Provisão – Férias= R$ 83,33

Provisão – 1/3 Férias= R$ 27,78

Provisão – FGTS (13° e férias)= R$ 15,56

Provisão – Aviso Prévio= R$ 83,33

Provisão – FGTS (Aviso Prévio)= R$ 6,67

Provisão – Multa FGTS= R$ 51,11
________________________________________________

Total dos Custos mensais= R$ 1.431,11

 

Como é possível visualizar nos valores acima, o custo mensal gerado por um funcionário é mais de 43% maior que o seu salário bruto, podendo variar para maior, tendo em vista que a empresa tomada como exemplo é tributada pelo anexo I do Simples Nacional e não é devido a cota patronal do INSS que pode alcançar à 20% do salário bruto.

A gestão de custos de seu negócio é fundamental para alcançar um preço de venda rentável e competitivo, porém a gestão de custos gerados por seus colaboradores pode prever possíveis saídas de caixas tornando possível o formação de reservas que previnam qualquer desfalque.

Para mais detalhes, entre em contato conosco e faça o download gratuito da planilha para o calculo demonstrado no link abaixo.

Planilha para calculo de custos com funcionário.

 

 

 

 

 

Comentários